Índices de inadimplência crescem e departamentos jurídicos precisam estar preparados

André Lux Finanças, Funcionalidades

O número de empresas inadimplentes no Brasil bateu o recorde em agosto de 2015, segundo dados divulgados pela Serasa. São 4 milhões de empresas com dívidas em atraso, que somam R$ 91 bilhões. Além disso, a emissão de cheques sem fundo tem crescido. No mês de julho, por exemplo, foram devolvidos 1,3 milhão de cheques por insuficiência de fundos – recorde para meses de julho desde que a medição começou a ser feita, em 1991. Num cenário de recessão econômica como esse, a renegociação de dívidas passou a ser assunto obrigatório para as empresas.

É fato que o que acontece com a sociedade acaba sendo refletido nas práticas empresariais. O aumento da inadimplência, neste caso, vem gerando um aumento na demanda por contratos de refinanciamento de dívidas – tarefa esta, que envolve o setor jurídico da empresa. Não é obrigação dos advogados se envolverem na negociação dos débitos e redefinição de taxas de juros. Mas, para formalizar o acordo, um instrumento com todas as informações acordadas pelas partes deve ser gerado pelo departamento jurídico. Ele é chamado de Contrato Particular de Confissão de Dívida e Outras Avenças.

A demanda de geração de contratos dessa natureza cresce assustadoramente em períodos de crise econômica como o que atravessamos agora. Por isso, as empresas precisam buscar formas de automatizar as etapas dessa tarefa, além de tornar mais efetivo o controle e armazenamento desses contratos, bem como garantir que os termos acordados sejam sempre cumpridos por ambas as partes envolvidas. A utilização de um software de gerenciamento jurídico é altamente recomendada para gestão de toda essa demanda.

LEIA TAMBÉM  Como a Gestão Imobiliária pode reduzir custos e ainda aumentar a produtividade

O ProJuris ENTERPRISE, através de sua integração com os ERPs, possibilita um completo controle de inadimplências e cobranças. Dentro dele, existe um módulo de contratos desenvolvido especialmente para que empresas possam gerenciar demandas desse tipo. É possível realizar um controle detalhado de fluxo e de aprovação dos contratos, emitir automaticamente um documento/acordo com os dados das partes, controlar os prazos a serem cumpridos e as garantias envolvidas. O sistema possibilita também que você armazene os documentos digitais, colocando eles na mesma pasta de todas as demais informações do contrato, de forma que você possa acessá-los a qualquer momento com muito mais facilidade. O ProJuris ENTERPRISE conta ainda com um módulo de gestão de assinaturas que acelera as etapas de evolução do contrato e com um acervo jurídico, onde você poderá estabelecer padrões para minutas e outros modelos de documentos que desejar.

Agende uma apresentação e comece a testar o ProJuris ENTERPRISE rapidamente. Nossa equipe responderá sua mensagem em menos de 24 horas.

email