Por que advogados deveriam trabalhar o relacionamento com seus clientes?

Por que advogados deveriam trabalhar o relacionamento com seus clientes?

ProJuris Dia a Dia, Dicas, Empreendedorismo 5 Comments

O que o advogado autônomo e os escritórios de advocacia podem fazer para manter uma boa relação com seus clientes? Nem sempre os profissionais liberais têm esse foco, mas para obter o sucesso do seu escritório de advocacia, um bom relacionamento com os que o procuram é essencial.

Lembre-se sempre que o seu escritório e o seu trabalho como advogado autônomo só existem e vão progredir se você tiver pessoas que confiem nele e que acreditem em você. Isso só é possível se um bom relacionamento for traçado.

Falta de tempo prejudica essa relação

Embora muitos saibam que é importante essa relação, a famosa “falta de tempo” e a pilha de processos para analisar fazem com que esse tipo de preocupação fique em último plano, o que não é saudável para nenhuma empresa. É importante que você comece a usar seu banco de dados de clientes a seu favor e a favor do seu estabelecimento de trabalho. Lembre-se que o seu escritório é uma venda de prestação de serviço e, como todo “comércio”, precisa de quem compre esse serviço. Para isso, despertar a vontade no cliente de voltar a procurá-lo é essencial.

Um bom início é criar um sistema de relacionamento com clientes, visando traçar uma relação duradoura. Mais do que ganhar um cliente fiel, esse tipo de trabalho faz com que sua imagem perante os moradores da cidade de atuação seja positiva e com isso, você ganha um marketing gratuito que é o chamado “boca a boca”. Com isso, novos interessados em seu trabalho chegarão e o seu escritório prosperará.

Sistema de Relacionamento com Clientes

Criar um sistema de relacionamento com as pessoas que o procuram e personalizado para o seu escritório de advocacia é uma excelente estratégia de fidelização. No início, pode ser um pouco trabalhoso, mas pouco a pouco essa boa relação se incorpora à sua rotina e os frutos vêm como consequência.

LEIA TAMBÉM  5 vantagens da agenda digital para a “agenda-caderninho”

Para isso, você pode começar tendo um bom cadastro dos seus clientes sejam essas pessoas físicas ou jurídicas. Tenha informações como nome, endereço, e-mail, telefone e histórico do serviço prestado de maneira que a consulta seja fácil. É interessante ter um software para isso.

Cadastre também parceiros e pessoas que ligaram para o seu estabelecimento para tirar uma dúvida ou marcar um horário. Isso servirá para você analisar se os que ligam vão ao escritório e se não vão ao seu escritório, por que desistem? Onde está o erro? Por que esse cliente preferiu outro profissional? Não se esqueça de treinar os funcionários para isso.

Depois disso, estabeleça uma maneira de contato com os clientes que pode ser por correspondência, e-mail ou telefone, dependendo do público que o procura e das condições e foco do seu escritório. Então, crie um cronograma de contato a ser realizado pelo escritório com eles. Isso pode ser feito por um funcionário, mas as mensagens devem ser personalizadas.

Você pode mandar felicitações de Natal, aniversário ou outras datas comemorativas. O importante é que seu escritório se faça presente na vida dos que o procuraram para que o seu nome seja sempre o primeiro a ser lembrado, criando um vínculo e a fidelização.

Você já possui algum plano de relacionamento em seu escritório? Conte pra gente nos comentários!