13 livros de gestão para transformar seu escritório de advocacia

21/10/2021
 / 
23/06/2023
 / 
9 minutos

Em qualquer profissão, o estudo constante é essencial. Assim, isso não difere na advocacia. No entanto, para além das capacitações já comuns a área, os advogados e advogadas, perceberam a necessidade de estudar acerca de outros assuntos. Especialmente, aqueles não abordados na graduação em Direito, como a gestão na advocacia. Assim sendo, selecionamos os 15 livros de gestão mais recomendados para os profissionais da área.

Dentre os livros selecionados, apresentamos alguns específicos de gestão na advocacia, mas também selecionamos livros gerais sobre o assunto, a fim de complementar ainda mais o aprendizado. Vejamos então quais são os melhores livros de gestão para a advocacia.

Navegue por este conteúdo:

13 livros que ajudarão na gestão na advocacia

Nesta lista você encontrará conteúdos de empreendedorismo, gestão de pessoas, gestão financeira, liderança, entre outros temas que envolvem a gestão na advocacia. Bom, vamos então, aos livros.

1. Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes:Lições Poderosas para a Transformação Pessoal, de Stephen R. Covey

Começando então, por um livro de gestão que foge um pouco ao universo da advocacia, em “Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes: lições Poderosas para a Transformação Pessoal”, Stephen R. Covey, fala sobre como os nossos hábitos podem mudar os resultados em todas as áreas da sua vida, especialmente no trabalho. O livro aborda a mudança “de dentro para fora” e mostra como, você, ao mudar seus hábitos, muda também o mundo ao seu redor.

2. Os 5 desafios das equipes, de Patrick Lencioni

Um dos livros de gestão mais citados quando se fala em liderança e empreendedorismo é “Os 5 desafios das equipes”. Nele, Patrick Lencioni conta a história de uma mulher que assume a liderança de uma das empresas mais conhecidas no Vale do Sílicio. Ao assumir o cargo, entretanto, ela nota que a equipe não dá resultados. Ao longo do livro, então, o autor aponta 5 motivos pelos quais a equipe não apresenta os resultados e constrói um modelo de uma equipe altamente eficaz.

3. O mito do empreendedor: por que muitos negócios fracassam? O que você pode fazer para vencer?, de Michael E. Gerber

Em “O mito do empreendedor”, Michael E. Gerber, divide os empreendedores em 3 tipos: visionários, administradores e técnicos. Foquemos aqui no empreendedor técnico, onde se enquadram a maioria dos profissionais do Direito. Segundo o autor, esse grupo tem o desejo de empreender, começa o seu negócio, mas não o trata como um negócio, mas sim, como um local aonde vão para trabalhar.

Você se enquadra nisso? Já parou para pensar se não está tratando o seu escritório como um lugar onde você vai para trabalhar ao invés de tratá-lo como seu negócio?

Neste caso, aponta o autor, os profissionais acreditam que apenas por conhecer profundamente seu ofício, estão habilitados para administrá-lo. Mas, com o passar do tempo, percebem que as coisas não funcionam bem dessa maneira. Para contribuir com isso, então, o livro de gestão apresenta dicas de empreendedorismo, desde a construção do plano de negócios.

4. Gestão de Escritório de Advocacia: o modelo de excelência da Disney aplicado à advocacia para encantar clientes e aumentar os resultados financeiros, de Camila Berni

Você provavelmente já ouviu por aí sobre as técnicas da Disney sobre encantar clientes e mantê-los fidelizados, certo? É pensando nisso, então, que Camila Berni elabora em “Gestão de Escritório de Advocacia: o modelo de excelência da Disney aplicado à advocacia para encantar clientes e aumentar os resultados financeiros” uma metodologia de aplicação das técnicas utilizadas pela Disney para escritórios de advocacia. Além disso, a obra traz exercícios práticos para que o leitor possa anotar insights e colocar as técnicas em prática.

5. Empresas feitas para vencer, de Jim Collins

A obra de Jim Collins foi considerada pelo Time Magazine um dos melhores livros de negócios mais importantes de todos os tempos. Isso porque, com ele, o autor observou a situação de empresas de diversas áreas e em diversas situações. Na obra ele constata que, as empresas que conseguem alcançar o sucesso desejado são, em sua maioria, as empresas que conseguem entender sua situação atual.

6. Faça Acontecer: Mulheres, Trabalho e a Vontade de Liderar, de Sheryl Sandberg

Sabemos que, seja em empresas de tecnologia, beleza ou escritórios de advocacia, os homens ainda ocupam a maior parte dos cargos de liderança. Assim, Sheryl Sandberg, braço direito de Mark Zuckerberg, no Facebook, escreve a obra “Faça Acontecer: Mulheres, Trabalho e a Vontade de Liderar, de Sheryl Sandberg” discorre sobre as razões dessa diferença ainda existir hoje e dá dicas práticas para mulheres que querem assumir um posto de liderança.

7. A estratégia do Oceano Azul: como criar novos mercados e tornar a concorrência irrelevante, de W. Chan Kim e Renée Maubourgne

Um livro de gestão interessantíssimo para o momento atual do Direito, onde existe uma ampla concorrência no mercado. Na obra, os autores W. Chan Kim e Renée Maubourgne, abordam o que ocorre em um mundo onde a concorrência é grande. De maneira geral, o que eles chamam “oceano vermelho” é o mercado altamente disputado e concorrido, onde os preços são abaixo do que deveriam e todos os concorrentes saem perdendo. Os autores trazem então dicas de como sair dessa situação, e chegar ao sonhado “oceano azul”. Assim, apresentam uma metodologia criativa que leva os empreendedores para longe deste mercado saturado.

8. Gestão eficiente de escritórios de advocacia: como advogados e administradores podem transformar a prestação de serviços jurídicos em negócios mais rentáveis, de Mario Esequiel

Voltado principalmente para gestores de escritórios de advocacia, a obra de Mario Esequiel, insere conceitos de administração em escritórios de advocacia. O livro de gestão focado em escritórios de advocacia traz, então, um olhar mais humanizado sobre os colaboradores e o desenvolvimento destes.

baixe uma planilha para controle de fluxo de caixa e acompanhe as financas do seu escritorio de advocacia

9. Valorização dos honorários advocatícios: o fortalecimento da advocacia através da gestão, de Beatriz Machnik

Sabemos que a cobrança de honorários advocatícios ainda é um tema difícil para os advogados e advogadas. Isso porque, precificar seu trabalho não é tarefa fácil. Pensando nisso, Beatriz Machnik traz uma reflexão acerca do fato de que profissionalizar e estruturar a gestão do escritório é essencial, portanto, os profissionais da área devem conscientizar-se disso.

10. Como fazer amigos e influenciar pessoas, de Dale Carnegie

Considerado um clássico da área dos relacionamentos, o livro de gestão “como fazer amigos e influenciar pessoas”, publicado no ano de 1936, traz um aspecto importante sobre o sucesso financeiro de uma empresa. Segundo o autor, o sucesso não depende de Know-how, mas sim de comunicação, liderança e entusiasmo da equipe.

11. A arte da Guerra, de Sun Tzu

Mais um livro de gestão considerado um clássico, “A arte da guerra” foi escrito no século IV a.C. No livro, o general chinês Sun Tzu deixou uma obra acerca da estratégia que contribui para que vençamos as batalhas do dia a dia. Nele, o general afirma que a regra de ouro dos vencedores é o planejamento.

12. O Marketing nos escritórios de advocacia do Brasil, de Marcelo Martins Borges

Neste livro de gestão voltado especificamente para escritórios de advocacia, o autor aborda os aspectos jurídicos do marketing na advocacia e como os advogados podem utilizar essas estratégias para captar clientes. Este é um livro muito interessante principalmente, pensando que há poucos dias CNJ aprovou o provimento que flexibiliza as regras de publicidade na advocacia.

13. Transformação Digital, de David L. Rogers

Não é novidade que o mundo está cada vez mais tecnológico. Assim, o autor aborda neste livro de gestão, as características do mundo moderno em relação às interações com as empresas. A obra aborda os 5 domínios da transformação digital, que são: clientes, competição, dados, inovação e valor. Para a advocacia, conhecer esses aspectos dos clientes é essencial, principalmente, para saber como atendê-los melhor, e para captar mais clientes.

Outros conteúdos sobre gestão em escritório de advocacia

Esses foram alguns dos títulos que selecionamos como essenciais para que advogados e advogadas possam entender mais sobre empreendedorismo, inovação, e gestão na advocacia. No entanto, na internet existem inúmeros outros conteúdos excelentes para esse aprendizado.

acesse uma planilha de honorários e saiba quanto cobrar por seus serviços como advogado

Existem diversos outros livros, como, por exemplo, “as armas da persuasão”, “o poder do hábito”, “Mindset”, “A coragem de ser imperfeito”, e inúmeros outros títulos que contribuem tanto com a vida profissional, como com a vida pessoal.

Aqui no blog de Projuris ADV também temos diversos conteúdos que podem auxiliar na gestão do escritório de advocacia. Veja dois deles, nos links abaixo:

Quer saber mais novidades sobre a gestão de escritório de advocacia?  Faça seu cadastro e receba as novidades em seu e-mail.

Use as estrelas para avaliar

Média 0 / 5. 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário