advocacia disruptiva para advogados

O que é jurimetria? Qual sua aplicação em escritórios de advocacia?

CEO DA CONSULTORIA GUSTAVOROCHA.COM – GESTÃO, TECNOLOGIA E MARKETING ESTRATÉGICOS, ESCREVE À UNIVERSIDADE PROJURIS MENSALMENTE

Jurimetria é a estatística aplicada ao direito, em uma análise simples e direta. Tem sido utilizada em conjunto com softwares jurídicos num modelo de tentar prever resultados e oferecer (daí a questão estatística) probabilidades e valores envolvidos nestas análises.

Mas, na prática, como funciona?

Primeiro compreendendo que o grande segredo envolvido neste processo é o lançamento/alimentação de dados. Aliás, segredo de qualquer software jurídico.

Ao lançarmos dados de juízes, comarcas, pedidos e decisões destes juízes nas comarcas, por exemplo, começamos um processo de análise de ganho/perda conforme pedido. Vamos imaginar que este juiz se movimentou na carreira. Antes estava na comarca X agora está na Y. Significa que a partir de agora,
todos os seus processos que estavam na comarca Y serão julgados da mesma forma que a comarca X, o que pode ser positivo ou negativo conforme os pedidos formulados.

Assim sendo, os softwares jurídicos podem calcular estatisticamente os valores envolvidos nos pedidos da comarca Y e prever (com boa base de acerto) as decisões a partir de agora na comarca Y.

E você se pergunta: E pra mim, advogado, no que isto pode ser útil?

No mínimo marketing jurídico: Ofertar ao cliente possibilidade de prognósticos e contingências mais próximas do real, baseado em jurimetria.

LEIA TAMBÉM  10 características essenciais para escritórios de advocacia inovadores

Mas, como a jurimetria não fica somente neste exemplo, podemos pensar nisto em análise dos pedidos com decisões de primeiro e segundo grau, com comarcas, varas, juizados e juízes, com teses diferentes e possibilidades de novas teses e suas estatísticas aplicadas… Ufa! Pensando em como pode ser útil ter dados compilados e analisados quase como uma previsão do que vem por aí.

Leia também: Marketing Jurídico – conceito e prática

Enfim, jurimetria cria visões mais reais e aplicadas a resultados. Em bom português falando na prática aplicação: Sem dados, sem visão do que se quer como resultado e principalmente sem foco em acompanhar as mudanças que hoje acontecem no judiciário com a tecnologia adequada para dar todos estes parâmetros a clientes e seus negócios, a jurimetria não tem nem eficiência, nem eficácia prática.

Agora é com você: Ou investe em tecnologia, gestão, dados e visão estratégica para este resultado ser prático ao seu negócio e ao seu cliente ou aguarda seu concorrente fazê-lo. Como vai ser?

Leia também: Advocacia disruptiva em três pontos fundamentais

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *