Passo a passo para criar um site para escritório de advocacia

10/09/2018
 / 
30/06/2023
 / 
17 minutos

Ter um site para escritório de advocacia nos dias de hoje é algo essencial. Principalmente para divulgar sua marca e demonstrar para os clientes o tipo de serviço que é ofertado. Entretanto, muitos advogados não possuem experiências em criar um conteúdo online e não sabem por onde começar.

Todavia, para criar um site para escritório de advocacia não é preciso ser um especialista em programação. No entanto, contar com a ajuda de um profissional deste ramo é muito bom para a criação do site, principalmente se você procura um site cativante e voltado para prospecção de clientes na advocacia.

Infelizmente, esse tipo de mão-de-obra não é algo muito barato e pode pesar no orçamento do escritório, principalmente os que possuem pouco tempo no mercado e poucas ações de marketing jurídico.

Por isso, nesse texto irei explicar o passo a passo para montar um site para escritório de advocacia. Apesar de não parecer, é uma tarefa mais fácil do que aparenta!

Escolhendo o nome do site do seu escritório de advocacia

Primeiramente deve-se escolher o domínio do site, que na realidade é o nome que sua empresa irá usar para ser identificada na internet. Será através dele que seu escritório de advocacia irá se apresentar para o mundo.

O domínio é uma junção do nome do escritório e da extensão. Por exemplo, o domínio pode ser “escritóriodeadvocacia.com.br”. É importante ressaltar que no domínio do site não há a inclusão de pontos ou espaço, sendo tudo junto.

Após a escolha do domínio, é hora de consultar seu registro. Sites como registro.br e godaddy.com  são os mais utilizados para fazer essa consulta. Ao realizar essa pesquisa, é possível descobrir se o domínio escolhido para o site do escritório está disponível ou não.

Se o nome que você escolheu já foi pertence a outro escritório, será necessário criar outro domínio que esteja disponível. Isso impossibilita que na internet existam dois domínios iguais, evitando confusões e até processos por direitos autorais.

Depois de realizar a consulta e ver que o domínio de sua escolha está disponível, deve-se comprar o domínio. Por meio desta compra, você adquire amplo direito de utilizar aquele nome para o seu site, evitando que outras pessoas o utilizem.

No próprio site do registro.br após a consulta já aparece disponível a opção de registrar o domínio. Basta preencher os campos indicados com as informações necessárias para efetuar a compra do nome do site. Atualmente, o preço de um domínio gira em torno de R$40,00 anuais.

Como escolher a plataforma de um site para escritório de advocacia

Finalizado a etapa do registro de domínio, será necessário escolher uma plataforma para servir como o depósito dos arquivos do site, como os textos, imagens, códigos, entre outros arquivos essenciais para o site ficar acessível ao público.

Essa plataforma que serve para guardar todos os arquivos é a hospedagem. Existem diversas empresas que oferecem esse tipo de serviços para vários sites, e é possível encontrá-las na própria internet. Assim, basta encontrar uma que você goste e adquirir o produto.

Entre os provedores de hospedagem mais utilizados estão o Digital Ocean, Hostgator, GoDaddy e o King Host, que possuem planos a partir de R$12,50 por mês para manter o site no ar. Após a escolha será necessário optar pelo criador de site que melhor lhe agrada.

Como criar um site para escritório de advocacia

A partir da escolha do serviço de hospedagem, será necessário criar o site. No mercado, existem várias opções de plataformas que oferecem serviços de criação de site, entre os mais famosos estão o wordpress.com, e o wix.com. Vale lembrar que alguns serviços de hospedagem também oferecem seus criadores de sites.

baixe uma planilha de timesheet e controle a carga horária da sua equipe

Além disso, outro ponto importante que se deve ficar atento antes de começar a criar o seu site é com a otimização para smartphones. Isto porque, cerca de 90% dos sites criados por não profissionais não são otimizados para o mobile, ou seja, eles não se adequam bem para celulares, e isso traz uma perda muito grande para os escritórios. Hoje, mais de 50% de todo o tráfego no site de buscas são feitos através do smartphone, segundo um estudo realizado.

Se você quer um site otimizado e que traga resultados mais rápido converse sem compromisso com um especialista do Juri Digital.

Independentemente do serviço escolhido, é importante lembrar que os exemplos do texto possuem um sistema intuitivo, ou seja, de fácil usabilidade e entendimento.

O Wix, apesar de ser uma plataforma muito limitada, não precisa de hospedagem. Você pode conferir o passo a passo para montar um site para escritório de advocacia no Wix no Guia Oficial do Próprio WIX. Assim, vamos falar sobre o WordPress.

Como criar sites no WordPress

O WordPress possui as opções do programa gratuito e com planos a partir de R$12,00, sendo que cada tipo de plano oferece um determinado tipo de facilidade. Atualmente considera-se o WordPress a melhor plataforma de websites do mundo.

Chegou até aqui e percebeu que montar site não é coisa de advogado? Contrate uma Agência especializada em sites WordPress para Advogados como a Juri Digital.

Abra sua conta no Projuris ADV

Instalando o WordPress no seu provedor de hospedagem

Após escolher o plano deve-se instalar o WordPress no seu provedor de hospedagem adquirido. Excluindo o GoDaddy, que já possui WordPress instalado.

Para instalar o criador de site na plataforma basta acessa a área de controle do painel do seu provedor de hospedagem, que aparece logo após o login do usuário no site. Após entrar no painel, será necessário localizar e instalar o software do WordPress para poder utilizá-lo.

É importante lembrar que todos os dados sobre o acesso do usuário no site de hospedagem são enviados para o e-mail utilizado no cadastro, por isso é muito importante ficar atento ao endereço utilizado.

Após acessar o painel de controle, aparecerá na área relacionada ao espaço do cliente, onde você terá acesso ao instalador do WordPress. Vale salientar que também se pode acessar essa área no painel financeiro do site de hospedagem.

Para localizar o software do WordPress no painel, você deverá acessar a área relacionada aos softwares utilizados no seu site para realizar a edição. É possível localizar o instalador por meio da pesquisa básica (que se localiza na área superior do site de hospedagem).

Eventualmente, o instalador estará com o nome de “softaculo”, assim ao clicar nele, se abrira o instalador automático do WordPress. Assim, para encontrar o instalador do WordPress, cujo ícone do programa é a representação, será preciso clicar no ícone e, logo depois, clicar em “install” e escolher como será a identificação do seu site para escritório de advocacia (no caso, o domínio registrado).

Se acaso o domínio utilizado pelo escritório tenha sido registrado em menos de 24 horas, será necessário esperar o término deste tempo para conseguir entrar no domínio registrado no site de hospedagem.

Definindo a identificação do seu site

Esse tempo serve para que as empresas de hospedagem consigam deixar a página em plenas condições de funcionamento. Para definir a identificação do site do seu escritório de advocacia na internet, o WordPress abre um formulário onde o usuário deverá definir alguns itens.

O primeiro item é o “choose protocol”, que é a definição que o site utiliza. Então, primeiramente, deve-se escolher usar o “www” para a localização do site. Após isso, será  necessário escolher entre os protocolos HTTP ou HTTPS.

Garantindo a segurança do seu site

Para entender a diferença entre ambos protocolos é bem simples, os sites HTTPS são mais seguros que os sites HTTP. Entretanto, para poder utilizar o protocolo do https, será preciso instalar o certificado de Secure Socket Layer (SSL) no seu domínio.

Antes de procurar saber como realizar a instalação do certificado SSL, deve-se consultar o serviço de hospedagem contratado para ver as opções disponíveis. Na maioria dos servidores de hospedagem, há a opção gratuita para o certificado de segurança.

Esse serviço serve para criptografar todas as informações que são transmitidas ao site, ou seja, se alguém tentar interceptar os dados do site, não será possível invadir o sistema facilmente. pois as informações estarão seguras por uma espécie de camada de segurança, que é representada por um cadeado verde na aba do navegador.

Inicialmente, para instalar o certificado SSL no seu domínio, você terá que acessar a área do cliente, que é o mesmo painel da instalação do WordPress. Então, você deve selecionar a hospedagem onde irá ocorrer a instalação do certificado de segurança e, após a abertura da nova janela, clicar em “solicitar SSL”.

Ao clicar nesta área, aparecerá todas as opções possíveis de SSL, desde as pagas até a gratuita. É importante enfatizar que todos os tipos de certificados SSL tem o mesmo tamanho de criptografia, sendo que as diferenças entre os serviços pagos e gratuitos estão relacionadas a equipe de suporte, garantias, renovações e validações do programa.

Após escolher o tipo de certificado de segurança usado, deve-se informar o domínio onde ocorrerá a instalação do SSL, ou seja, o endereço do site do seu escritório de advocacia. Depois que informar o domínio, você terá que preencher o formulário com as informações da empresa e iniciar o processo de instalação automática do certificado de segurança.

Instalando o programa no site do seu escritório

Depois de escolher o protocolo, você irá informar o domínio do site (se você tiver apenas um domínio, ele aparecerá automaticamente) que será criado na área de “Choose Domain”. Após isso, você irá informar o local de instalação do programa.

Na área do “In Directory”, você irá escolher entre instalar o WordPress diretamente na raiz do site do seu escritório, ou se quer criar um subdiretório no site para instalar o programa (uma espécie de pasta dentro do site). Casa o desejo seja criar uma outra área para instalar o software, será necessário informar nome da pasta na área em branco.

Definindo as características do site

No término destas configurações, você irá começar a informar as características do site na área “Site settings”. Nesse formulário, será informado o nome do site (que neste caso não é o domínio, mas sim o nome do seu escritório, por exemplo) no local nomeado “Site Name”.

Depois de informar o nome do seu site para escritório de advocacia, precisara ser feito um breve resumo da página no local “Site Description”. E ao final de idealizar a descrição do site do seu escritório, deve-se habilitar ou não o gerenciador de sites, na opção “Enable Multisite (WPMU)”.

Essa função é viável caso você vá trabalhar com dois sites diferentes. Ela serve para disponibilizar a função de editar vário sites por meio de apenas um painel do WordPress, por isso, se você for criar somente um site para seu escritório, não será necessário habilitar o WPMU.

Criando o acesso no site do seu escritório

Por fim, uma outra aba chamada “Admin Account” se abrirá. Nela, você irá criar um usuário de acesso e uma senha para conseguir efetuar o login no editor do seu site WordPress. Então, na aba “Admin Username”, você irá informar esse nome de usuário, para efetuar login no WordPress do seu site.

Em seguida, será preciso criar uma senha e acesso para o painel do administrador da sua página. Na opção “Admin Password”, você vai indicar uma senha ou, se preferir, pode clicar na chave localizada ao lado o campo em branco.

Essa chave irá gerar uma forte senha automática que você utilizará para fazer login, por isso é muito importante guardar essa senha em um local seguro. No final, será preciso informar um e-mail para registro.

Definindo o idioma do painel de edição

Por fim, deve-se escolher o idioma do WordPress e optar por instalar alguns plugins e ferramentas. Para decidir o idioma do editor, você terá que ir na área de “Select Language” e selecionar pela opção “Portuguese-BR”, referente ao português utilizado no Brasil.

É importante enfatizar que essa área só serve para selecionar o idioma que do painel de edição do seu site para escritório de advocacia, ou seja, ele não tem nenhuma relação com a linguagem do conteúdo que você irá publicar na página do seu escritório.

Os plugins do WordPress

Entre os plugins que o WordPress oferece estão o “Limit Login Attempts”, que bloqueia a entrada na página de edição do site após várias tentativas consecutivas de login. Além disso, você pode alterar as ferramentas e opções avançadas da instalação do programa no seu provedor de hospedagem.

Por meio das alterações disponíveis você pode escolher um nome para o banco de dados do seu site no campo em branco “Database Name e para os prefixos das tabelas no WordPress. Então o programa nomeia automaticamente, as tabelas com o prefixo “wp_”, porém recomenda-se fazer a alteração, que pode ser feita aleatoriamente.

Por fim, será necessário decidir se você quer receber e-mails sobre as atualizações, dicas e comentários do WordPress no seu e-mail. Caso não queria, será necessário clicar na área “Disable Update Notifications Emails”.

Em seguida, você pode escolher o “Auto Upgrade”, que faz atualizações automáticas no seu editor WordPress; “Auto Upgrade WordPress Plugins”, que atualiza automaticamente os plugins do seu site para escritório de advocacia; e o “Auto Upgrade WordPress Themes”, que atualiza automaticamente os temas instalados na página.

Instalação do software

Ao final de todas as etapas, será preciso encerrar todo o processo e realizar a instalação do WordPress. Para começar a instalação do programa, que dura em média alguns segundos, será preciso informar um e-mail para receber informações referentes as etapas de instalação do software e clicar em “install”.

Quando começar a instalação do WordPress, uma barra irá aparecer, informando o progresso de instalação do software. No final da instalação, uma janela irá abrir, mostrando a URL do site e do painel de administração do site, onde é feita toda a edição e publicação de conteúdo.

O tema do seu site

A partir deste momento já é possível acessar o seu site e o painel de edição WordPress da sua página, basta clicar para ter acesso. Quando entrar no painel de controle, você já poderá editar seu site da maneira como bem entender, podendo configurar temas (Aparência > Temas > Adicionar Novo).

Ademais, nessa área você consegue instalar novos temas para seu site. Mas lembre-se, toda a alteração feita no WordPress precisa ser salva e ativada. Como o WordPress é um editor de sites bastante intuitivo, seu manuseio é algo simples e fácil de ser compreendido. No próprio cabeçalho do editor possui áreas para personalização do site, como a adição de imagens, posts e mídias.

Para começar a criar o Design do seu site para escritório de advocacia, aconselhamos escolher um template pré-definido. No Theme Forest você tem temas em torno de R$200,00.

Para instalar seu tema você pode conferir este tutorial do TecMundo.

Como criar um site para escritório de advocacia usando o WIX

Entretanto, você escolher criar seu site no WIX, você deverá criar um login de usuário, que pode ser feito pelo Facebook, e-mail ou pela conta do Google. Logo após o cadastro, o usuário tem acesso ao plano gratuito da empresa, que tem opções muito limitadas.

O editor WIX também é bem autoexplicativo, ou seja, é de fácil manuseio. Ele pode indicar alguns designers ou você pode começar a criar o seu a partir de uma tela branca.

Se você decidir criar um site para escritório de advocacia a partir das categorias informadas pelo Wix, você conseguirá ver todos os recursos que o editor disponibiliza para seu site, de acordo com o tipo de site que você deseja criar. Isso facilita muito na criação e idealização da página.

Logo após a escolha da categoria, será possível ter acesso em uma página onde você poderá decidir o tema do seu site. Em seguida, basta entrar na área “Edite este site” para ter acesso ao editor da página.

Assim é possível personalizar a página da sua empresa. O site é todo em português, o que facilita no uso das funcionalidades do editor.  Umas das funções mais legais desse editor é que ele possui a função arrasta e solta, que ajuda a subir arquivos para o site e colocá-los de acordo com seu gosto na janela, podendo escolher a posição e o tamanho de determinado arquivo.

Ao finalizar, basta informar o domínio com o qual o site será publicado. Depois disso, então, você deverá clicar no botão “Publicar”, no canto superior esquerdo da tela na página de edição.

Ao entrar na conta, você deve ir na área de “domínios” e informar o domínio registrado do seu site. Ou então, se você tiver uma conta Premium, adquirir um novo.

Como testar um site para escritório de advocacia

Para testar o funcionamento do seu site, basta você entra no domínio que foi registrado para o identificar. Isso quer dizer que ao digitar o endereço web do seu site, você já tem acesso a ele.

Entretanto, uma dica muito valiosa é que, antes de subir o site para o domínio, você pode efetuar o teste pelo próprio editor de sites. Ferramentas como o WordPress e o Wix possuem formas de pré-visualização do site.

Ou seja, você consegue ver como está o funcionamento de determinadas áreas do site antes mesmo de fazer o upload no seu domínio. Para que isso ocorra, basta salvar as alterações feitas e ir na área de pré-visualização do site, para o visualizar e utilizar antes mesmo de subir ele para seu domínio.

Então, depois das checagens, é só fazer o upload do site para o seu domínio e o divulgar para o mundo.

Agora é só divulgar seu site para escritório de advocacia!

Site pronto? É hora de botá-lo em ação.

Assim que seu site estiver pronto, inclua o seu endereço em todas as suas comunicações, como cartões, papéis timbrados, etc. Todos eles devem possuir o endereço do site do seu escritório de advocacia!

Não só para os atuais clientes, é importante divulgar para novos clientes. Já ensinamos “Como posicionar seu site para clientes da sua cidade“. O Google é hoje uma das melhores plataformas para atrair novos clientes de forma mais rápida e eficiente.

Além disso, você também pode divulgar seu site nas redes sociais. No Blog da JuriDigital ensinamos também “Sete dicas para fazer seu marketing jurídico de acordo com a OAB“,  “7 passos para começar sua estratégia de redes sociais no seu escritório” e “Como aumentar sua demanda através das redes sociais“.

Você já viu Web Designer advogando?

Uma reflexão que você deve fazer é se você realmente acha que vale a pena despender horas ou até dias para criar um site que talvez não fique tão profissional.

Pense bem, como Advogado você tem as habilidades necessárias para criar um site para escritório de advocacia com o profissionalismo que você deseja passar para seu cliente?

Que tal conversar com uma Agência de Marketing Jurídico especializada em sites WordPress que realmente vão passar ao seu cliente a imagem que você deseja? Afinal, existem pessoas especializadas nesse serviço que podem te auxiliar.

Use as estrelas para avaliar

Média 0 / 5. 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário