Aprenda em 1 minuto: o que é NPJ? Como funciona? Quem pode participar?

Sem tempo para ler? Dê o play abaixo e ouça agora:

Em mais um post da série 'Aprenda em 1 minuto', nossa série para desmistificar questões e ferramentas jurídicas em apenas 1 minuto, hoje falaremos um pouco sobre o NPJ, importante tanto para estudantes de Direito com para pessoas que precisam de um advocacia. No nosso últimos conteúdo falamos sobre marketing de conteúdo para advogados. Vamos lá:

O que é NPJ(núcleo de prática jurídica)?

O Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ) é um órgão onde estudantes de Direito, geralmente do sétimo ou oitavo período, têm a oportunidade de praticar todo o conteúdo teórico aprendido até então.

É uma espécie de estágio onde os alunos prestam atendimento ao público gratuitamente, em um "escritório de advocacia" estruturado dentro das faculdades de direito.

Desta forma existe um ambiente que simula a realidade fora da faculdade, com casos e clientes reais, para que o aluno exercite de forma prática seu aprendizado sob a supervisão de professores especialistas.

Como funciona?

Os alunos desenvolvem atividades não só referentes à advocacia, mas à magistratura, Ministério Público e outras áreas jurídicas, além de atender o público. É neste momento que o aluno começa a entender toda a dinâmica e os ritos relacionados com o lide jurídico e com o atendimento aos clientes.

Entre as tarefas, estão a participação em sessões e audiência, redação de peças processuais, visitas a órgãos judiciários, arbitragens e conciliação. Todas as atividades são sempre orientadas pelo coordenador do Núcleo, que costuma ser um dos professores de direito da instituição.

Quem é atendido pelo NPJ?

O atendimento é realizado gratuitamente, para pessoas de baixa renda (até 3 salários mínimos), geralmente em casos das áreas Famílias, Trabalhista e Cíveis, Responsabilidade Civil e Defesa do Consumidor.

Caso você se encaixe no tipo de processo listado acima, para receber atendimento basta levar seus documentos e detalhes do problema a ser resolvido diretamente no NPJ da faculdade mais próxima de você, onde o caso será analisado e, eventualmente, encaminhado para a tratativa judicial.

Toda faculdade tem?

O NPJ foi institucionalizado em 30 de dezembro de 1994, através da Portaria nº 1886, do Ministério da Educação e do Desporto. A disciplina passou a ser fundamental para obtenção do bacharel em direito, no entanto, algumas faculdades ainda estão estruturando este espaço.

Considerando esta obrigatoriedade a ProJuris passou a apoiar este tipo de demanda como forma de retribuir este atendimento social oferecido pelas universidades, oferecendo gratuitamente software jurídicos para todos os NPJs do Brasil.

Leituras complementares



Comentários 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.