O retorno do investimento na carreira jurídica

ProJuris Dia a Dia, Finanças 1 Comment

Até se formar um estudante de Direito terá que desembolsar em média R$ 100 mil. Saiba quais as condições do mercado e as perspectivas oferecidas para quem busca retorno no investimento na carreira jurídica

Um dos motivos que tornam a faculdade de Direito uma das mais procuradas por jovens profissionais é a perspectiva de um bom retorno financeiro em um tempo razoável do exercício da profissão. Para chegar lá, no entanto, é preciso um bom investimento.

Traduzindo em números, um estudante de Direito em uma faculdade particular chega a desembolsar cerca de R$ 20 mil por ano até obter seu diploma, o que significa um investimento em torno de R$ 100 mil reais apenas para finalizar o curso.

Apesar de ser uma carreira tradicional e consolidada, o mercado vem se tornando cada dia mais competitivo e sinalizando um futuro menos promissor no aspecto financeiro. Além da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que chega a aprovar somente 40% dos bacharéis em Direito, o número de profissionais no mercado é bastante alto, denotando uma saturação.

Para quem é jovem, no entanto, ainda há sinais de boas perspectivas devido ao custo benefício que profissionais considerados “juniores” oferecem para futuras posições de liderança em empresas e escritórios.

Para se ter uma noção, o salário médio de um advogado júnior em uma empresa de pequeno porte pode variar entre R$ 3,2 mil a R$ 4,6 mil. Já em um escritório de pequeno porte, a média para um profissional iniciante pode variar entre R$ 3,4 mil a R$ 5,5 mil.

LEIA TAMBÉM  Como implementar um software jurídico em seu escritório

Mesmo com o mercado cheio de profissionais, empresas e escritórios ainda oferecem salários atraentes que podem variar entre R$ 10 mil a R$ 27 mil mensais. Essa média, no entanto, pode decrescer devido ao aumento anual de profissionais disponíveis.

Para conseguir um bom cargo e uma boa remuneração, é inegável que o estudante de Direito e mesmo o profissional terão que se dedicar bastante e agir de forma estratégica até conseguir obter o retorno financeiro almejado. Para isso, buscar uma boa formação, manter-se atualizado por meio de cursos e utilizar ferramentas que garantam agilidade na hora de prestar serviços são essenciais para quem quer se diferenciar em um mercado cada vez mais competitivo.

O Projuris é um software jurídico que oferece agilidade para os serviços jurídicos e organização e praticidade para as atividades gerenciais e financeiras de um escritório jurídico.

Por meio dessa ferramenta, o advogado pode organizar sua agenda, ter um acompanhamento automático dos processos, além de dimensionar os custos e as perspectivas financeiras de seu negócio. Por meio do Projuris, o advogado consegue calcular sua rentabilidade, dimensionando as despesas e a capacidade de crescimento da banca. O software também auxilia na precificação dos serviços, pois possibilita mostrar a partir de custos e ganhos quanto é saudável para o advogado cobrar por seu trabalho.

Para quem busca retorno financeiro, o Projuris é uma ferramenta que proporciona soluções capazes de auxiliar em uma avaliação completa do escritório e, consequentemente, permitindo que ele se torne mais organizado e também rentável.

Gostou do artigo? Compartilhe sua experiência, tire dúvidas e dê sugestões nos comentários.

Comments 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *